Seja exigente com a sua beleza
19 de Fevereiro de 2016
Mechas sem descolorante – Transformação
24 de Março de 2016

Top 5: As maquiagens do Oscar 2016

Olá gente linda, tudo bem?
Essa semana já começou com tudo por que no domingo à noite, o mundo “parou” para assistir a cerimônia do Oscar 2016 e, obviamente, conferir as principais apostas das celebridades. A partir daí tudo vira uma grande inspiração e as pessoas vão assimilando as informações ao seu favor. O glamour salta aos nossos olhos com as produções maravilhosas e informações de beleza preciosas. Então, resolvi selecionar cinco maquiagens que mais curti e dizer o porquê delas merecem tal destaque.

Olivia Wilde: A tipo deusa

Olivia Wilde: A tipo deusa

Ela tem um estilo que quem a acompanha sabe que pode esperar belas produções. Neste caso, ela apostou em um delineado sutil em conjunto com um esfumado alaranjado. Eu amei a combinação, ainda mais porque a pele estava iluminada e isso realçou seus traços fortes com blush e brilho na medida certa.

Charlize Theron: A minha preferida

Charlize Theron: A minha preferida

Gente, que pele é essa?! Entenderam de uma vez por todas que quando eu digo que cuidar da pele é essencial? Daí basta caprichar nos olhos. Ela usou sombra marrom brilhosa e uma boca glossy. Um equilíbrio essencial.

Jennifer Lawrence: A tipo linda

Jennifer Lawrence: A tipo linda

O tipo de maquiagem sutil que vai valorizar os seus traços na medida do bom senso e fazer de você, uma pessoa totalmente diferente do que realmente se é, ou seja, sem deformar. Foco total no olho com um delineado leve e complementado por uma pele iluminada.

Cate Blanchett: A tipo diva

Cate Blanchett: A tipo diva

Maquiagens atemporais são bem vindas a qualquer hora e em qualquer ocasião. Elas supervalorizam mulheres maduras. A Cate Blanchett, por exemplo, investiu numa pele aveludada e impecável em harmonia com um batom pêssego.

Sofia Vergara: A mais mais

Sofia Vergara: A mais mais

Batom vermelho é o meu truque de beleza preferido. Simples, prático e funcional. Ele potencializa qualquer beleza, ainda mais quando atrelado a um blush mais marcado como é o caso.

Enfim, deu pra sentir que em relação à maquiagem, nada demais acontece no Oscar, porém as pessoas estão criando senso de que a maquiagem muito pesada não favorece mais a ninguém. O conceito de “menos é mais” se mantém em evidência e o “marrom” foi o grande destaque em boa parte das produções, portanto, podemos afirmar que “o marrom is the new black”.

Espero que tenham gostado!
Beijos e até a próxima, Rosman Braz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *